MJFanForum
Cadastre-se agora no fórum com verdadeiro amor ao Rei e Anjo Michael Jackson! Material exclusivo e atualizado diariamente! Já nos conhece? Então faça o login e aproveite!

Juri decide, AEG não é responsável pela morte de Michael Jackson

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Juri decide, AEG não é responsável pela morte de Michael Jackson

Mensagem por izilda em Qua Out 02, 2013 11:09 pm



Após menos de uma semana de deliberação, o júri no terno de homicídio culposo da família de Michael Jackson contra AEG Live decidiu em favor da empresa de promoção de concertos.
A mãe do  Rei do Pop, Katherine Jackson, e seus três filhos - Prince, Paris e Blanket - processou o promotora de concertos em 2010, alegando que a empresa foi negligente na contratação de Dr. Conrad Murray para cuidar da estrela pop.
"A decisão do júri justifica completamente AEG Live, confirmando o que já sabemos desde o início - que, apesar da morte de Michael Jackson ter sido uma tragédia terrível, não foi decisão da AEG Live," disse Marvin Putnam de O'Melveny & Myers LLP , conselho julgamento liderança para os réus no processo, logo após o veredicto.


LAPD

LAPD versão Novas fotos do quarto de Michael Jackson


Ao falar com a imprensa depois, Putnam chamou o veredicto de "um grande testemunho de como o sistema funciona". Notando que a família Jackson tinha inicialmente pedido para 40.200 milhões dólares, ele disse que em ir a julgamento, AEG Live estava defendendo o seu "bom nome" e não estava disposto a "se contentar com algo que acho que é um shakedown".
AEG Live e empresas como a dele são "não vai simplesmente dobrar e se contentar com algo que acho que está errado e criar um precedente que ninguém deveria ter que viver com", acrescentou. "Estas são pessoas reais que estão sendo acusados ​​de matar Michael Jackson."
AEG Live executivo Randy Phillips, que foi nomeado pessoalmente no processo, disse: "Eu contei Michael Jackson [como] um parceiro criativo e um amigo .... Perdemos um dos maiores gênios musicais do mundo, mas estou aliviado e profundamente grato que o júri reconheceu que nem eu, nem ninguém a AEG Live, desempenhou qualquer papel na trágica morte de Michael ".
Falando em conferência de imprensa, júri capataz Gregg Barden ecoou vista o caso dos advogados como trágico todo.
"Nós não vá embora pensando que era uma vitória de um lado ou do outro", disse Barden. "Foi uma situação trágica."
Em 2011, Murray foi condenado por homicídio culposo por administrar uma dose fatal de propofol. Hoje, o júri decidiu que a AEG Live foi responsável pela contratação de Murray, mas que ele não era imprópria ou incompetentes para realizar o trabalho para o qual foi contratado.
"Estamos decepcionados com o veredicto, mas respeitar o sistema de júri", disse Brian Panish, advogado dos Jacksons.
Quando perguntado se a família vai recorrer, Panish disse: "Nós vamos avaliar tudo e decidir."
Durante o julgamento, o uso de drogas de Jackson foi discutido longamente, como era a sua paixão para a realização. Aqueles que conheciam a cantora afirmou que sua planejada "This Is It" tour era para ser seu grande retorno, mas os representantes da AEG Live, disse que a turnê não teria sido financiada, se soubessem sobre a dependência de Michael Jackson em analgésicos.
"Michael Jackson foi usado para obter o seu próprio caminho, ele era um grande astro, ele tinha todos esses médicos que queriam ser o seu médico", disse o jurado Kevin Smith. "Se alguém disse que não, que eles estavam fora da mistura."

_________________

É tudo por amor.
avatar
izilda
Invincible
Invincible

Feminino Mensagens : 2226
Idade : 59
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum